Disney para crianças crescidas | Parte II

18 jan

Já leu a primeira parte do post? Leia aqui! Bom, agora que você já está dentro do complexo Disney (se depois de todas as dicas do post anterior você não estiver pelo menos perto, você nem merece continuar lendo isso aqui) vamos às atrações!

MagicKingdom

Magic Kingdom

Nem só de princesas e contos de fadas vive o Magic Kingdom… Se bem que isso não seria uma má ideia. Mas se você acha que é crescido demais pra isso e quer pular essa parte, eu sugiro que vá para a Frontierland. Uma parte do parque meio faroeste onde ficam duas das minhas atrações favoritas: a Splash Mountain e as melhores Turkeys Legs do mundo. Dica pra Splash Mountain: quanto mais pesado estiver o seu carrinho, mais divertido porque salta mais água. Então cole na fila com os gordinhos. E deixe pra comer a Turkey Leg depois… Vai que…

AnimalKingdomEntrance

Animal Kingdom

Imperdível mesmo é a Everest, melhor montanha-russa da Disney. O Safári é bem divertido e dá até para fingir que se está mesmo na África. Mas num dia quente de verão, não deixe de passar pelo Kali River Rapids, um passeio por um rio ‘com muita correnteza’ onde ou você se molha ou alguém te molha (sempre tem um desgraçadinho em cima da ponte com aquelas armas de água apontando pra tua cara).

HollywoodStudios

Hollywood Studios

Tower. Of. Terror. Apenas essas três palavras. Se você tem um pouco de amor pela sua vida, evite. Dá MUITO medo e se alguém falar o contrário, é tudo mentira. Mas para compensar o medo, um dos melhores restaurantes do complexo também está ali: o Hollywood Brown Derby. Cara de antigão, bem old fashioned, mas a comida é surpreendente. Vale cada centavo e é uma ótima opção pra fugir um pouco dos lanches.

Epcot

Epcot

O maior dos parques da Disney é também, na minha humilde opinião, um dos melhores lugares para adultos. Talvez por ser o primeiro a permitir a venda/consumo de bebidas de álcool, mas também por toda estrutura ter sido pensada pra dar um tempo no clima de ‘parque de diversões’. Nele você pode simplesmente escolher um drink de qualquer lugar do mundo (de cerveja alemã à saquê) e sair passeando, flertando e admirando a vista até os fogos começarem, às 21h. Ou você pode se aventurar pelo Soarin’, um brinquedo que 10 em cada 10 pessoas adoram. Se estiver lá entre setembro e outubro pode aproveitar o Food and Wine Festival, onde o parque vira quase uma quermesse, com barraquinhas do mundo inteiro vendendo um menu degustação multi cultural. Em maio, o festival de jardinagem costuma atrair pessoas mais velhas e encanta qualquer um.

DowntownDisney

Downtown Disney

Com certeza, o lugar para as crianças crescidas. Nesse centrinho comercial você pode realizar o sonho de comprar todos os Legos que sempre quis e teus pais não queriam te dar. Ou você pode só tirar umas fotos e seguir viagem. Se você é do tipo alucinado por fliperama, evite o Disney Quest – depois dele, nada mais será suficiente na sua vida. Sério. Você pode ir na House of Blues, que apesar de ter começado como uma ‘casa do rock’ é onde acontecem ótimas festas eletrônicas aos domingos. E pra encerrar um dia cansativo, jantar no Planet Hollywood é um clássico. O ambiente às vezes é incomodativo, meio poluído (sonora e visualmente). Mas se você estiver no clima, vai adorar as tradicionais bruschettas ao som dos Top Hits do momento. Vai ser difícil não querer pedir uma música pro DJ enquanto a comida não vem.

Quer saber? Não aguento mais falar de Disney. Tá ficando difícil demais não estar lá!

(Post por Jeana Mattei)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: